Advogado dá nova versão para assassinatos de Rafael Miguel e dos pais dele

Passadas 24 horas da morte do namorado Rafael Miguel e seus pais, Isabela Tibcherani compareceu à 98ª DP. A menina chegou a distrito policial após o enterro para falar sobre o que sabe do crime. Sua mãe também foi ao local e prestou depoimento.

Segundo a Polícia Civil, o comerciante e pai de Isabela, Paulo Cupertino Matias (48) é o autor do crime. Os policiais afirmam que ele não aceitava o namoro de Rafael (22) com sua filha. Paulo é considerado foragido pela polícia.

De acordo com o advogado de Isabela, o ator de Chiquititas não foi pedir o aval da família para aceitar o namoro na noite em que foi assassinado. Segundo o profissional, Rafael e seus pais estavam dando uma carona à Isabela para sua casa.

Quando chegaram no portão, foram surpreendidos pelo pai da jovem, que estava armado. Segundo o depoimento da jovem, Paulo não aceitava o namoro e era agressivo. Isabela afirmou que não sabia que o pai estava em casa a sua espera.

Ainda segundo o advogado, tudo aconteceu rapidamente. Rafael e os pais chegaram na casa para deixar Isabela. Assim que a Isabela desceu do carro, a menina e o pai começaram a discutir. Paulo, em seguida, atirou em Rafael. Na sequência, os alvos foram os pais dele, João Alcisio Miguel (52) e Miriam Selma Miguel (50).

Sobre Guilherme Beraldo 2188 Artigos
Guilherme Beraldo é jornalista e assina os sites 'Portal 4' e 'Aqui Tem Fofoca'. Crítico de TV, participou dos programas 'A Tarde É Sua', 'Mulheres', 'Versátil e Atual' e 'Conexão'. Siga-me no Twitter: @beraldotv