Marcão do Povo sugere campo de concentração para pessoas com coronavírus

Guilherme Beraldo

08/04/2020 - updated: 08 abr 2020 às 13:40

Marcão do Povo gerou revolta nas redes sociais após sugerir no programa ‘Primeiro Impacto‘, do SBT, a criação de um ‘campo de concentração’ para isolar os casos confirmados de pessoas infectadas com o novo coronavírus.

“Não seria interessante pegar, por exemplo, montar um campo de concentração, com equipamentos sofisticados, com os melhores profissionais e colocar essas pessoas com problemas e sintomas… E acaba também de ter que espalhar dinheiro para os estados. Esse negócio de vários governadores que nem sequer um caso foi comprovado e o estado decretou calamidade. O estado tem necessidade de decretar calamidade? Não tem!”, disse.

O apresentador ainda pediu para Jair Bolsonaro (sem partido) mandar o exército prender os governadores que forem contra a determinação. “O senhor [Jair Bolsonaro] é o presidente da República, dá um decreto, põe o exército nas ruas, e aí o governador que descumprir… cana. Monta um campo, um local adequado e trata as pessoas lá”, completou.

Por fim, Marcão ainda defendeu a volta do funcionamento do comércio no país: “Os comércios abrem e funcionam tudo normalmente, para não ter esse negócio de espalhar dinheiro e todo mundo estar vivendo desse jeito. É uma ideia que eu tô dando, a população pode concordar ou não concordar, o Presidente pode acatar ou não acatar. Eu acho que vai voltar a tudo ao normal, ‘vamo’ voltar todo mundo a trabalhar, a vida vai seguir. É uma ideia, fica a dica!”.

Confira o momento:

Guilherme Beraldo

Guilherme Beraldo é jornalista , MTB: 90925, editor chefe, SEO e criador do site 'Aqui Tem Fofoca'. Crítico de TV, participou dos programas 'A Tarde É Sua', 'Mulheres', 'Versátil e Atual' e 'Conexão'. O Aqui tem Fofoca ganhou uma nova roupagem e um novo logo, acrescentamos o ''News''. A notícia não para.