Record TV confirma erro com uso de imagem de influencer em pauta sobre pedofilia

Imagem: Reprodução TV

Uma matéria sobre pedofilia no Domingo Espetacular de ontem (2) está causando uma dor de cabeça à Record TV.

O jornal apresentou dois falsos perfis que estão em um inquérito policial e envolvidos com abuso de menores, em Brasília (DF). Em uma das contas, o dominical mostrou, equivocadamente, a foto do influencer Maicon Küster.

O rapaz foi às redes sociais para se queixar da Record TV e diz temer pela sua vida. O conteúdo já foi compartilhado mais de 21 mil vezes no Twitter.

“Aí, Record TV, como vocês são capazes de dizer que o pedófilo preso era ‘ele de peruca’ sendo que a foto é minha? Vocês têm noção que eu corro risco de morte por culpa da irresponsabilidade completa de vocês? não só vou processar vocês, como pedirei uma retração pública por esse absurdo”, escreveu Maicon.

A Record TV enviou um comunicado à imprensa na tarde de hoje (3), um dia após o erro, dizendo que irá refazer a reportagem no Jornal da Record.

COMUNICADO

Durante uma reportagem exibida ontem, 02/08, no Domingo Espetacular, sobre a prisão de um homem acusado de pedofilia no Distrito Federal, foram utilizados vídeos e fotos de perfis falsos que constam da investigação conduzida pela Polícia Civil local. 

Infelizmente, houve um equívoco ao apontar a imagem de um dos perfis como sendo a do pedófilo, quando, na verdade, ele usava fotos obtidas na internet.

Lamentamos o que aconteceu e vamos apresentar, nesta segunda-feira, 03/08, no Jornal da Record, uma reportagem corrigindo a informação.

São Paulo, 03 de agosto de 2020

RECORD TV