PUBLICIDADE

Isadora Ribeiro volta à TV e declara: “Homem bom está escasso”

Guilherme Beraldo

12/04/2021
Atualização:13 abr 2021 às 13:37

Com mais de 20 trabalhos no currículo, entre séries, novelas e especiais, Isadora Ribeiro volta à TV em uma participação na série Plantão Sem Fim, com Rodrigo Sant’Anna, no Multishow.

A atriz se preparava também para voltar a encenar o espetáculo solo Diário de Bordo. Entretanto, os trabalhos seguem parados temporariamente, após a morte de Roberto Innocente, diretor do espetáculo, vítima da Covid-19.

Aos 55 anos, Isadora está solteira, curtindo a netinha Catarina e declarando amor pelas filhas.

Leia também:

”Tenho meus contatinhos, mas estou sem tempo. Então, se aparecer um homem maravilhoso que eu me apaixone, ok. Mas homem bom está difícil, escasso”, revelou a veterana ao Aqui Tem Fofoca.

Isadora Ribeiro ficou conhecida do público na década de 80, quando apareceu emergindo da água na abertura do Fantástico.

Em agosto de 1989, exibindo os seios desnudos e as curvas perfeitas, surgiu na abertura da novela Tieta, no horário nobre da Globo. Atuou em uma série de tramas como Pedra Sobre Pedra, Mulheres de Areia, Fera Ferida, Explode Coração e Torre de Babel.

No SBT, atuou em Brasileiros e Brasileiras, em 1990, e, duas décadas depois, voltou à emissora para fazer a novela de Amor e Revolução, seu mais recente folhetim, exibido até janeiro de 2012.

Em 2019, atuou em um episódio do seriado República do Peru, da TV Brasil.

Inscreva-se no canal do Aqui tem Fofoca no YouTube para conferir nossas ‘lives’ e vídeos diários!

Siga o Aqui tem Fofoca nas redes sociais:

Instagram: @aquitemfofocaoficial

Twitter: @beraldotv

Facebook: Aqui Tem Fofoca

Youtube: Aqui tem Fofoca

Guilherme Beraldo

Guilherme Beraldo é jornalista , MTB: 90925, editor chefe, SEO e criador do site 'Aqui Tem Fofoca'. Crítico de TV, participou dos programas 'A Tarde É Sua', 'Mulheres', 'Versátil e Atual' e 'Conexão'. O Aqui tem Fofoca ganhou uma nova roupagem e um novo logo, acrescentamos o ''News''. A notícia não para.