Fátima Bernardes terá o seu "Casos de Família" na Globo
PUBLICIDADE

Fátima Bernardes terá o seu “Casos de Família” na Globo

Guilherme Beraldo

11/09/2021
Atualização:12 set 2021 às 10:19

Visando aumentar seus índices de audiência, a Globo vai “descer um degrau” e inserir momentos estilo Casos de Família, do SBT, no Encontro com Fátima Bernardes.

A apresentadora sofrerá mais uma reformulação em seu programa e terá que encarar conflitos familiares, entre vizinhos, ex-maridos, casais buscando reconciliação e pais que não reconheceram a paternidade de seus filhos.

Claro, que o tempero e a forma de como isso será conduzido não lembrará o estilo Casos de Família de ser.

A ideia é fazer algo chique, com orçamento e sem gritaria.

MUDANÇA DE HORÁRIO

Existe um estudo dentro da Globo para levar o Encontro para a faixa vespertina, sendo colocado entre o Jornal Hoje e as duas novelas que serão exibidas no Vale a Pena Ver de Novo.

O canal apostará antigas tramas na faixa das 18h para frear o Balanço Geral, principalmente o quadro Hora da Venenosa. A Record vence a Sessão da Tarde com frequência em São Paulo.

Fátima reluta em mudar de horário e quer manter o seu programa na faixa matinal. Caso fique de manhã, perderá tempo.

FÁTIMA NÃO CONSEGUIU ACHAR O CAMINHO

Desde que estreou o Encontro em 2012, a atração não achou o seu caminho. Passou por diversas reformulações, testou quadros, inseriu “parceiros”, repórteres e mudou o cenário por três vezes. Nada adiantou.

É um programa barato, tem um orçamento bom, um faturamento ótimo. Entretanto, a audiência fica devendo.

Falar com a dona de casa, diretamente, é uma tarefa difícil.

Fátima ainda não encontrou este caminho.

OS TELEBARRACOS NA TV

SBT, Band, RedeTV e Record beberam da fonte dos “telebarracos” para elevar os índices de audiência.

Mesmo tendo um Ibope alto, este estilo de programa não costuma levar faturamento para os canais.

Mesmo assim, alguns continuam no ar até hoje.

Relembre abaixo alguns programas:

MÁRCIA, SBT

Em 1997, Silvio Santos comprou espaços em jornais e anunciou que estava buscando uma nova apresentadora para um formato americano.

Baseado no Ricki Lake Show, o programa Márcia estreou em 29 de julho do mesmo ano

RATINHO LIVRE (RECORD) E PROGRAMA DO RATINHO (SBT)

Ratinho fez tanto sucesso com o seu Ratinho Livre, chegando a bater 35 pontos no Ibope.

O desempenho era suficiente para vencer a Globo e fez com que Silvio Santos o tirasse da Record pagando, até então, maior multa da TV Brasileira: mais de R$ 40 milhões.

Em 1998, estreou o seu Programa do Ratinho, no SBT.

Além de apelar para os barracos, o programa sempre explorou os mais humildes. Além disso, sempre gostou de buscar pautas bizarras, temas polêmicos, utilidade pública e reportagens policiais. A emissora recebeu diversas advertências da Justiça.

O Teste de DNA era o pico do programa e sempre carregou a mão na pancadaria. A emissora tirou o programa em 12 de agosto de 2006.

Ratinho cumpriu uma geladeira de 3 anos, voltando ao ar em 2009.

Inicialmente, retornou ao ar no final da tarde e, hoje, está no horário nobre do SBT.

Com Ibope pífio, o formato em nada lembra o que foi no passado.

Apoiador do Bolsonaro, a atração continua com os testes de DNA e serve de palanque para o Governo.

AINDA HOJE: VOCÊ NA TV

Considerado por muitos o pior programa da TV Brasileira, o Você na TV, apresentado por João Kléber, é a prova do “vale tudo pela audiência”.

Histórias bizarras, casos inusitados e encurveis são contatos diariamente nas manhãs da RedeTV!.

O programa tem como foco revelar segredos em rede nacional.

Um dos clássicos do formato trouxe a historinha da moça que contou que se prostituía para comprar x-burguer.

Inscreva-se no canal do Aqui tem Fofoca no YouTube para conferir nossas ‘lives’ e vídeos diários!

Guilherme Beraldo

Guilherme Beraldo é jornalista , MTB: 90925, editor chefe, SEO e criador do site 'Aqui Tem Fofoca'. Crítico de TV, participou dos programas 'A Tarde É Sua', 'Mulheres', 'Versátil e Atual' e 'Conexão'. O Aqui tem Fofoca ganhou uma nova roupagem e um novo logo, acrescentamos o ''News''. A notícia não para.