Patrícia Abravanel e Sikêra Jr. serão processados por LGTQIA+fobia

Patrícia Abravanel e Sikera Jr
Patrícia Abravanel e Sikera Jr

O Governo do Estado de São Paulo pretende não deixar impune as declarações homofóbicas ditas por Patrícia Abravanel e Sikêra Jr..

LEIA TAMBÉM:

De acordo com Mônica Bergamo, da Folha de São Paulo, a Secretaria da Justiça do Estado Governo de São Paulo tomará a frente do caso nos próximos dias.

A jornalista afirma que além de Patrícia e Sikêra Jr., o órgão notificará o SBT e RedeTV!.

Os apresentadores deverão ser convocados para uma audiência de conciliação. As datas ainda não foram definidas.

HOMOFOBIA NOS DISCURSOS

Em junho, Patrícia Abravanel fez um discurso no Vem Pra Cá onde pedia ao público LGTQIA+ ter compreensão quando alguém não aceita sua orientação sexual.

O termo correto é condição sexual.

Sikêra já ofendeu a classe LGTQIA+ por diversas vezes em seu programa com piadas e esculachos. Em muitas das vezes, optou por dar tom de brincadeira nas falas.

O episódio fez a RedeTV! sentir no bolso quando Sikêra chamou os gays de “raça desgraçada”. O discurso também ocorreu em junho.

O canal perdeu trinta anunciantes e, após o episódio, o Ibope do Alerta Nacional caiu pela metade, chegando a 1 ponto. Atualmente, o formato perde para a TV Cultura, TV Gazeta e TV Aparecida.

Sobre Guilherme Beraldo 4513 Artigos
Guilherme Beraldo é jornalista , MTB: 90925, editor chefe, SEO e criador do site 'Aqui Tem Fofoca'. Crítico de TV, participou dos programas 'A Tarde É Sua', 'Mulheres', 'Versátil e Atual' e 'Conexão'. O Aqui tem Fofoca ganhou uma nova roupagem e um novo logo, acrescentamos o ''News''. A notícia não para.