Redes sociais do Aqui Tem Fofoca
Famosos

Filha de Palmirinha manda indireta para irmã na guerra por herança

Publicado

/

Filha de Palmirinha manda indireta para irmã na guerra por herança (Imagem: Veja)

E uma história que tem chamado a atenção dos brasileiros é a da briga pela herança de Palmirinha Onofre, tão querida pelo Brasil. Para complementar toda situação, no último sábado, 13 de Janeiro, Tânia Rosa, a primogênita entre as filhas de Palmirinha publicou uma indireta por meio de suas redes sociais.

Nos últimos dias, o caso se tornou público deixando todos perplexos e parece que Tânia Rosa não tem gostado da conduta de uma de suas irmãs em meio a divisão de bens. Em sua conta oficial no Instagram, publicou uma imagem contendo um professor, em que o texto diz:

“Não adianta explicar quando o outro está decidido a não entender”, diz o texto publicado no Instagram.

+ SBT promove mudanças e dois apresentadores perdem espaço

Em disputa por herança, filhas de Palmirinha mandam indireta nas redes sociais

Filha de Palmirinha manda indireta para irmã na guerra por herança (Imagem: Globo)

Filha de Palmirinha manda indireta para irmã na guerra por herança (Imagem: Globo)

Em síntese, ao lado da irmã Nanci Balan, ela acusa a irmã caçula e inventariante, Sandra Bucci, de ocultar dados do patrimônio das empresas. No entanto, a acusação ainda consta informações como o lucro, assim como o não pagamento de um empréstimo feito por Palmirinha ainda em vida.

De acordo com a Veja, Tânia tem sido uma das mais presentes no processo contra a irmã e chegou a pedir sua condenação. E além disso, também pediu a exclusão dela por “sonegação do inventário”. No entanto, menos de um ano após a morte de Palmirinha, a guerra segue na Justiça.

Publicidade

Na última sexta-feira, 12 de Janeiro, o jornal Extra e a revista Veja São Paulo divulgaram detalhes do processo, que está em andamento no Tribunal de Justiça de São Paulo.

Entre os bens que causaram a divisão familiar, estão as ações da empresa Artes Culinária Palmirinha Ltda. Inclusive, ela era a responsável por gerir a carreira da apresentadora, e os direitos e imagens e vendas de produtos licenciados.

Todavia, de acordo com Tania e Nanci, Sandra informou ao juiz que os bens de Palmirinha se resumiam a uma conta bancária com R$ 8,13 de saldo e R$ 5.100 de cotas na empresa. Entretanto, acusam a irmã de não mencionar valores referentes a direitos autorais e de imagem, venda de livros, temperos e alimentos, direitos de uso de marca, royalties e monetização de redes sociais.

Vale lembrar que, Palmirinha era considerada a vovó mais querida do Brasil, por décadas ter atuado em programas de culinária na TV aberta e fechada. Inclusive, ao lado de artistas como Ana Maria Braga! Ela se tornou uma eterna saudade!

Publicidade