Redes sociais do Aqui Tem Fofoca
Televisão

Pela segunda vez, Justiça não admite retorno de profissional à Record

Publicado

/

Pela segunda vez consecutiva, a Justiça de São Paulo negou que Elian Matte retornasse à Record, meses após ele ter sido demitido.

A Garota do Momento recebe novos nomes

Funcionário do Câmera Record, apresentado por Roberto Cabrini, ele ficou conhecido nacionalmente depois dele ter tornado públicas denúncias de assédio contra Márcio Santos, diretor de Recursos Humanos, que acabou sendo indiciado pela Polícia Civil.

Em sua defesa, o jornalista enviou laudos médicos que diziam que ele não deveria ser dispensado devido à síndrome de burnout, que ele apresentou no último período.

Após nove anos, Klara Castanho volta às novelas da Globo

Publicidade

Depois de passar mal na RedeTV!, funcionário falece no hospital

No interior de SP, apresentador sai de licença por ser candidato e ganha substituto

Entenda o caso Elian Matte, que tenta retornar à Record

No dia 23 de maio, a Justiça foi favorável a Elian Matte, porém a Record recorreu da decisão, vencendo na primeira instância, afirmando que ela não possuía responsabilidade pelos problemas psicológicos do funcionário.

Após receber novos laudos de Matte, a desembargadora Regina Aparecida Duarte entendeu que o transtorno não foi um “acidente de trabalho”, e o retorno do jornalista à Record foi negada pela segunda vez seguida.

Por fim, com informações do Notícias da TV.

Publicidade