Redes sociais do Aqui Tem Fofoca
Novelas

Record TV se espelha na Globo e prepara remake para 2024

Publicado

/

Assim como a TV Globo, que entrou na onda dos remakes e não pretende parar, a Record TV também embarcará na mesma a partir de 2024. É que Cristiane Cardoso já está escrevendo os primeiros capítulos de Rainha da Pérsia, próxima produção inédita.

Mas é que o novo folhetim é um remake de A História de Ester, protagonizado por Gabriela Durlo e Marcos Pitombo em 2010; e também de Ester, produzida em 1998 e protagonizada pelos atores Daniela Camargo e Giuseppe Oristânio.

Cristiane Cardoso conta com Aline Munhoz, Carolina Viel, Edna Pacheco, Jaqueline Corrêa, Meuri Luiza, Nicole Garcez, Raphaela Castro, Stephanie Ribeiro no time dos colaboradores. Léo Miranda é quem assina a direção de Rainha da Pérsia.

Carlo Porto é o único nome que aparece no elenco da novidade até o momento.

Conheça sobre a história de Ester, livro bíblico que inspirará a Rainha da Pérsia na Record TV:

A História de Ester, série da Record (Foto: Reprodução)

A História de Ester, série da Record TV, que ganhará novo remake (Foto: Reprodução)

A história de Ester é um relato bíblico do Antigo Testamento, presente no Livro de Ester. Ela era uma jovem judia que se tornou rainha do Império Persa, desempenhando um papel crucial na preservação de seu povo da destruição. Ester foi uma órfã criada por seu primo Mardoqueu. Ela entrou no harém do rei persa Xerxes I, conhecido como Assuero, e eventualmente conquistou sua confiança, tornando-se a rainha.

O clímax da história ocorre quando o alto funcionário real Hamã planeja um genocídio dos judeus. Mardoqueu pede a Ester que interceda junto ao rei para evitar esse desastre iminente. No entanto, entrar na presença do rei sem convite era arriscado e poderia resultar na morte da pessoa, a menos que o rei estendesse seu cetro em sinal de aceitação.

Publicidade

Ester, corajosamente, se apresenta diante do rei, que a recebe com favor. Ela revela sua ascendência judaica e expõe o plano de Hamã. O rei fica furioso e ordena a execução de Hamã. Além disso, Ester obtém permissão para os judeus se defenderem contra seus inimigos.

Os judeus conseguem se proteger, e Ester desempenha um papel fundamental na reversão do destino de seu povo. O festival judaico de Purim comemora esses eventos e a salvação dos judeus. A história de Ester é lembrada por sua coragem, determinação e sua posição crucial na história judaica e na fé.